The only real voyage of discovery consists not in seeking new landscapes, but in having new eyes. Marcel Proust


quarta-feira, 19 de abril de 2017

As Ilusões Politicas e a Sabedoria como Caminho

Eu gostava mais da Soninha antes dela entrar para a política. Achava que ela iria morar em Três Coroas e seguir no treinamento de Lama Vajha (vulgo tibetana), mas na sua fase política me pareceu uma pessoa ressentida e rancorosa. Como se alguém não lhe tivesse dado o devido valor, que ela acha que tem. Será? Dizer que se abraça a política para ajudar ou porque se está cansada das injustiças é a vala comum de todos os que entram nesse mar de lama. Antes ela tivesse sido Lama (professora budista) que se metido na lama da política. Quem sabe ela não poderia também ajudar as pessoas no Caminho. Mas isso não dá para prever. 

Agora, mal completados 175 dias como secretária do Dória ele a despede num vídeo na frente de outras pessoas, publicado posteriormente nas redes sociais do prefeito. Agora é assim? No início ele já a havia humilhado porque chegou atrasada à ação de marketing em que o prefeito e seus secretários se travestiam de gari.


Vejo esse tipo de atitude do Dória de um machismo/misógino imperdoável. Sempre denegrindo a imagem de sua secretaria. Mas quem se submete a tais políticos nem força para repreende-los tem. Pode se roer por dentro, mas no dia seguinte está lá beijando-lhe as mãos e os pés, rindo juntos como velhos amigos. 

O vídeo foi feito depois da conversa-demissional. Você é demitida e ainda tem que gravar um vídeo com seu patrão. Isso é mais que constrangedor, mas ela poderia ter dito não. Imagine se o patrão fosse o Justos?

Eu no seu lugar talvez processasse o prefeito, mas ela não o fará porque tem pretensões políticas que este e seu pares saberão lhe destruir se tentar se opor, ou reclamar. 

Agora ela volta à assembleia para as mãos de Holiday e MBL pianinho, imobilizada porque quem mexe com Dória mexe com fascistas que o apoiam e corre risco de ter sua imagem estraçalhada, quiça não corra risco de morte.

Quem sabe um dia ela acorde e se recolha num quarto de Três Coroas para um retiro de quatro anos incomunicável e saia de lá mais sabia, porque tenho para mim que a sabedoria é a único meio de ajudar a si mesmo e aos outros.  Não a política ou não essa política que se pratica por aqui e algumas bandas do mundo.

Se ela tiver ainda alguma ilusão nesse meio. O tempo vai se encarregar de desfazê-las.

Nenhum comentário: